Bye Bye 2020!




Bye Bye 2020!




É hoje.

O último dia do ano.

O dia de olhar em retrospetiva e analisar tudo o que vivemos nos últimos 12 meses. Lembrar as dificuldades (que foram muitas!), as alegrias (a valorizar), as vezes em que nos ultrapassámos e aquelas em que não fomos capazes de lidar com as adversidades, amiúde abundantes este ano. Tudo isto fez parte de um ano de grandes aprendizagens!

Aprendizagens diárias e profundas, que nos fizeram ter em muitos pontos uma consciência bem mais ativa do que antes tínhamos. Em que pontos?

Cada um tem um de nós tem um papel essencial na construção do bem comum. É até mais do que isso. Na verdade, cada um de nós tem um papel ativo na saúde e no bem-estar de cada uma das pessoas que diariamente estão ao nosso lado.

Somos mais fortes do que pensamos. Perante as dificuldades como a distância dos outros, a incerteza laboral, os sentimentos de tristeza, solidão e ansiedade que nos assolaram, arregaçamos as mangas e voltamos a viver. Regressamos corajosamente aos nossos trabalhos, cuidamos de quem está do nosso lado, (re)inventamos novas formas de nos relacionarmos com os outros, lutamos diariamente.

A vida pessoal e familiar é tão ou mais importante do que o trabalho. Por esse motivo podemos organizar-nos de forma diferente. Trabalhar a partir de casa ou num regime misto ou até mesmo reduzir (se possível) as infindáveis horas e cansaços que dedicamos ao trabalho e equilibrar a balança com aquelas que são as nossas necessidades pessoais e momentos familiares.

Devemos filtrar a informação. Este ano estivemos muitas vezes sujeitos a informações e notícias falsas. É preciso ter sentido crítico! Escolher fontes fidedignas de informação e não acreditar em tudo o que nos chega. Isto é uma lição para a vida. O sentido crítico é necessário em todos os contextos em que vivemos.

Precisamos uns dos outros. Somos seres da natureza, em que reina a interdependência. Também nós somos interdependentes. Até a nossa sobrevivência depende dos outros. Cuidemo-nos.

Votos de um feliz 2021!

Publicado originalmente no Jornal de Mafra

Comentários

Mensagens populares deste blogue

De Luto

Emoções e Expressões Faciais

Férias sãs, cabeça sã!